3 de nov de 2010

I can do it alone

_____Já chega, você me encheu. Cansei de te valorizar mais do que a mim mesma. Cansei de chorar por você e não ter nenhum benefício para o coitado do meu coração. Cansei de ilusões, você só me fez acreditar naquilo que eu queria que existisse. Desde sempre eu estive só, mas você me convenceu de que não precisava ser assim. Tolice. Me disseram quando eu era criança que iria viver sozinha pra sempre, porque eu não segurava a língua e tinha essa minha mania maldita (maldita?) de falar a verdade na cara dos outros, por mais dolorida que fosse. Esfregaram na minha cara que para poder ter alguém do meu lado eu precisava mentir de vez em quando, para não tornar as coisas desagradáveis. Eu relutei e prossegui com a minha "desagradável" sinceridade,e cá estou eu, sozinha como pressentiram. Eu sempre te disse a verdade, e talvez seja por isso que você me machuque tanto. A questão é que eu não sou capaz de compreender como alguém pode se sentir feliz com a mentira. Se for para viver de aparências, deixando a verdade de lado para ser utilizada somente quando acharem que é viável, prefiro estar apenas comigo mesma pro resto dos meus dias. Você me dilacerou porque eu permiti. Agora as regras serão outras. Ainda é cedo pra dizer se te darei outra chance. 

Sr. Amor, eu posso viver sozinha. Querendo ou não, foi assim que sempre vivi.
Eu só não tinha coragem o suficiente para assumir isso.

13 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Tem algo de mim nesse texto... Algo de uma tal ferida antiga que eu ainda não me conformei o suficiente pra assumir. rs

    Lindo.

    ResponderExcluir
  4. Amei o texto. Nós é que permitimos isso. E concordo com vc, "não sou capaz de compreender como alguém pode se sentir feliz com a mentira."

    ResponderExcluir
  5. Rebeca da uma olhada no meu blog novo Sun and Rain
    Ñ tem plágio rs' Comprei da Sabrina Mendez

    Blog: http://dennysfontes16.blogspot.com/
    Bjs*

    ResponderExcluir
  6. Ah, eu sofro por ser desse jeito, sincero e direto demais, por falar as verdades que os outros temem ouvir ou apenas deixam de lado, mas apesar de tudo prefiro ser assim. Uma mentira pode até fazer bem momentaneamente, mas uma verdade mesmo que doa na hora, faz um bem mais duradouro.
    Quando vc encontrar alguém que realmente te entenda e aceite sua maneira de ser, aí vc não será mais sozinha, pois há pessoas que aceitam a gente e outras que querem mudar algo imutável, esse segundo tipo não se dá bem com gente como eu e vc, hehe...
    Me identifiquei com ele, talvez vc entenda.

    Bjs =)

    ResponderExcluir
  7. Às vezes voce é tão enfática, Rebeca, que chega a me passar a impressão que o texto não seja tão fictício assim...

    ResponderExcluir
  8. Ninguém constrói uma relação na base de mentiras, é instável, e desmorona. Adorei, eu prefiro viver sozinha a sofrer.
    Estou seguindo! =)

    Beeijos!

    ResponderExcluir
  9. Amor à dois é algo extremamente complexo. Entender, ser carinhoso, se fazer entendido... são tantas coisas.

    Daí surgem os conflitos, o que era pra ser algo entregue com a alma, acaba por se tornar uma obrigação. Telefonemas, sms's... Uma rotina que vai cansando, até o ponto em que: ¹ Resolve-se que é tempo de dar um basta e dialogar para que o amor realmente possa reinar; ou ² Um relacionamento de um bom tempo, derrete em fração de segundos, escorrendo pelo ralo da amargura.

    Bom, eu só espero que esse belo e expressivo texto não tenha sido inspirado em algo real.

    ;*

    ResponderExcluir
  10. Eu sempre te disse a verdade, e talvez seja por isso que você me machuque tanto. :/
    Texto perfeito Rebeca *-* Cheio de muitas verdades :D

    Te indiquei pra um desafio, beijão :*

    ResponderExcluir
  11. 'Já chega, você me encheu. Cansei de te valorizar mais do que a mim mesma.' Disse tudo. Faço isso constantemente. E as vezes acho que nunca será diferente. Seu texto tá incrivel e adoro suas palavras, beijão :*

    ResponderExcluir
  12. Rebeca, entrei aqui por meio do blog da Clara, e sinceramente me surpreendi.
    Gostei da idéia dos desktop, o pessoal tem muita criatividade, e concordo com você, diz muito a respeito da personalidade.
    E estou comentando aqui do meu trabalho, tive que mostrar o desktop da Jamylle Carvalho pra todo mundo, ficou demais!!! Quanta imaginação...

    E o Sr. Amor insiste em fazer nos convencer que precisamos dele para ficarmos felizes, mas (infelizmente) a realidade é outra.

    "Querendo ou não, foi assim que sempre vivi."


    Beijo!

    ResponderExcluir

Meus devaneios, você já leu... agora é sua vez de devanear :)