7 de mai de 2010

Deseje-me boa viagem


Caro amigo Passado,
Sei que tivemos momentos bons e ruins juntos, mas é chegada a hora de partir.
Espero que não se incomode, mas estou levando os momentos bons comigo, sei que farás melhor proveito dos ruins do que eu. Não espero te ver novamente, na verdade prefiro esquecer de ti e das tristezas que já me proporcionou. Você já me ajudou muito, e eu estaria sendo ingrata se não reconhecesse isso. Mas a aprendizagem é eterna, e ultimamente você anda me prejudicando muito psicológicamente. Não quero me importar com você, quero abstrair pensamentos negativos. De hoje em diante passarei a "filtrar" meus pensamentos - coisas boas ficam, ruins vão para o lixo.
Sei que não irei me arrepender, na verdade nunca tive tanta certeza de uma decisão como agora.
Não é tchau nem até logo, é ADEUS.

Cordialmente,
Rebeca.

13 comentários:

  1. Às vezes não existe outra opção, huh?
    Eu só queria saber fazer o mesmo. .-.

    ResponderExcluir
  2. uma hora, todos nós vamos ter que fazer isso =D

    ResponderExcluir
  3. adorei, também tomei essa decisão de esquecer o passado *-*

    ResponderExcluir
  4. é importante fazermos isso de vez em quando, mas é dificl, muito.

    beijos :*

    ResponderExcluir
  5. ah, tô precisando criar coragem pra fazer isso.. xD
    bola pra frente, né? xD
    bjusss

    ResponderExcluir
  6. Sempre em frente! ^^ Parabéns pela decisão!

    bjoos

    ResponderExcluir
  7. Bendito Passado! Tenho certeza de que pelo menos ele te deixou uma bagagem recheada de experiências e lembranças maravilhosas.

    Siga avante, sempre "olhando para os dois lados da rua" e sempre de olho se "o sinal estará vermelho, amarelo ou verde". Rs' Confio em você, Rebeca!

    O meu beijo!

    ResponderExcluir
  8. queria tomar coragem pra fazer isso,queria conseguir isso ''/
    beeijos :*

    ResponderExcluir
  9. Meninas, obridagão *-*
    Wil, como sempre, valeu pela força :)

    ResponderExcluir
  10. É muito dificil esquecer o passado, principalmente quando é um passado com dor.
    Eu sempre falo que eu até esqueço as coisas boas, mas as ruins costumam ficar guardadas num lugarzinho secreto que só eu sei onde é.

    ResponderExcluir

Meus devaneios, você já leu... agora é sua vez de devanear :)