21 de jun de 2010

É o coração quem manda


Você não escolhe alguém para amar. O coração é tão traiçoeiro que só faz o favor de nos comunicar que está amando depois que já está batento aceleradamente. Pode ser rico, pobre, feio, bonito, magro ou gordo, enfim... Nesse momento não há como existir pré-conceito ou algo do gênero. O mais engraçado é que, se passamos a amar alguém que em nossa concepção é absurdo, ficamos com raiva e queremos a todo preço que aquele sentimento acabe. Tolice. No fim das contas ele acaba aumentando mais e mais e, se você optar por reprimí-lo, mas tarde pode ser tornar uma ferida incurável. 
De certa forma, é melhor que seja assim. Talvez se tivéssemos a livre consciência para escolher quem amar, ficaríamos sozinhos por toda vida, já que ninguém nunca seria bom o suficiente. O coração não quer saber sua idade e nem a idade da outra pessoa. Não se importa com qual camada social você pertence nem se você está preparado ou não para amar. O coração se apaixona e pronto, te deixa sem opções para onde fugir. Não questione seu coração e nem tente fazê-lo mudar de ideia. Na maioria das vezes, mesmo parecendo absurdo a primeiro momento, ele nunca erra. E se ele escolheu alguém, você tem que acatar a decisão, amar e ser feliz. Fim de papo.

12 comentários:

  1. isso ai... falou tudo!!! e amar é tão bom! ^^

    bjinhusss

    ResponderExcluir
  2. Amoreeee

    Mudei o domínio do meu blog! Agora é:

    http://claraalvarenga.blogspot.com/

    Por gentileza, peço para atualizar sua lista de blogs. ;)

    E nossa, me li lendo seu post! O coração é super traiçoeiro! Quando vamos ver, não onseguimos viver sem aquela pessoa mais.
    Que ele continue malvado assim.. rs

    Beijo grande!!

    Clara

    ResponderExcluir
  3. moçaaaaaa

    Tem selinho para você no meu blog!

    http://claraalvarenga.blogspot.com/

    Bjooos

    ResponderExcluir
  4. É, Rebeca... o coração não é de dar muita bola pra voz da Razão. Ainda por ser amigo tão próximo da mocinha Emoção! Foi o que enxerguei no texto.

    É orar e pedir pra Deus pra que ele pulse pela pessoa certa.

    Beeijo na testa! ;*

    ResponderExcluir
  5. hum... que coisa... não consigo imaginar como funcionaria algo assim.

    :/

    os que observei, vi motivos... mas como não conheço todos os casos... fica ativa a curiosidade.

    ResponderExcluir
  6. Tolice. No fim das contas ele acaba aumentando mais e mais...

    E é fim de Papo!
    Muito lindo esse texto!
    Você escreve bem demais menina! Adorei! (:

    ResponderExcluir
  7. Eu nao entendo o amor. E ainda mais complicado ainda falar sobre ):
    amei aqui,
    beijos

    ResponderExcluir
  8. o engraçado é que eu nunca tentei reprimir o amor. quer dizer, não me lembro de quando era criança, mas eu sempre corri atras dos meninos que queria. na eerdade, na maioria das vezes, deu certo.

    bom, sei lá. é que o amor é tão bom, não deve ser reprimido, não é? é isso aí que voce falou, tá certinho =B

    aah, me apaixonei pelo seu texto de perfil *--*

    ResponderExcluir
  9. aaaah, eu concordo plenamente.
    Há vezes em que o coração insiste em amar alguém que talvez não mereça esse tal amor. Num fim de um relacionamento por ex, sempre tem um lado que acaba sofrendo por muito tempo. Mas de um jeito ou de outro o coração nos dá uma nova chance de amar novamente. Só que por causa do sofrimento passado, pessoas se fecham e reprimem o amor. No fim das contas o amor sempre vence.
    ameeeei seu texto.
    beijos

    ResponderExcluir
  10. Por isso mesmo o amor é um sentimento que não se compra ou mede, é um dos sentimentos verdadeiros que por mais que o ser humano tente forjar e desvalorizar ele não consegue. Amor é sem escolhas, você disse tudo.

    ResponderExcluir
  11. é muito difícil explicar esse sentimento.
    é mais complicado ainda saber quando se está amando. mas, é verdade, acontece isso mesmo. às vezes achamos absurdo. melhor é deixar tudo acontecer no tempo de deus. ele sabe o que é melhor pra nós e em algum momento nos faz enxergar a nossa cara metade.

    adorei o blog. to seguindo ;D

    ResponderExcluir

Meus devaneios, você já leu... agora é sua vez de devanear :)