23 de set de 2010

Não foi uma quarta feira qualquer

Chegou no ápice da turbulência em minha vida e me fez sorrir.
Meu irmão, com quase um mês de vida, é cedo pra dizer que eu te amo demais?

22 de set de 2010

I need you

Me dá um abraço? E me deixe sentir o seu cheiro. Deixa eu me perder em seus pensamentos, deixa eu fechar os meus olhos e esquecer o mundo, pelo menos uma única vez. O mundo é tão agressivo, você é meu único refúgio. Como eu queria estar contigo hoje…

21 de set de 2010

I'm not a toy

Brinca nas horas vagas e depois deixa de lado?
Comigo não.

18 de set de 2010

Somos todos iguais por sermos todos diferentes


____Chega a ser impressionante o quanto existem frases clichês quando o assunto é conviver com diferenças. Publicitários que parecem compartillhar de um mesmo cérebro, "criam" slogans para falar sobre homossexualidade, deficientes e outros, que acabam sendo fincados na cabeça das pessoas.
____A verdade é que são poucos os capazes de compreender um sincero aceitamento das diferenças. Na natureza, é possível de se identificar inúmeras espécies, cada uma com sua característica e comportamento. Os seres humanos, que se dizem racionais, não conseguem identificar e aceitar essas diferenças no meio em que vivem. Cada indivíduo tem um cérebro. Cada um tem a sua vida. Chega a ser uma total falta de escrúpulos alguém tentar fazer com que o outro mude sua forma de viver apenas para se adequar ao que ele considera certo.
____Sem as diferenças não haveria senso crítico, pois todos partilhariam das mesmas idéias e definições. Ninguém questionaria ou sequer buscaria fontes de pesquisa para encontrar a verdade. Mas que verdade? Se não houvessem as diferenças, não haveriam superações. O mundo seria uma monotonia e os seres humanos simples repetidores de conceitos.
____Mais do que conviver com as diferenças, é preciso aceitá-las e compreendê-las. O mundo quem faz são os humanos, que felizmente não são todos iguais. Uma pessoa só pode ser igual a outra pelo simples fato de serem, as duas, completamente diferentes.

Esse texto foi feito por mim hoje, enquanto treinava redações. Inspirada no tema da redação do Enem de 2007: "O desafio de se conviver com a difereça". Então, que nota você me daria se fosse me avaliar na redação?

17 de set de 2010

Hoje

Eu gostaria de me sentir importante para alguém.
Realmente importante.
.


Era o que eu tinha a dizer hoje. Obrigada aos que comentam, infelizmente não tenho como retribuir a visita no blog de vocês, o motivo já é de conhecimento. Ah, e antes que perguntem, a gordinha da foto sou eu sim. Abraços.

14 de set de 2010

Escrever para viver


____Desde criança os livros foram meu refúgio. Preferia um bom livro ao invés de uma ida ao parque, o que sempre fazia com que eu fosse tachada de "criança estranha".
____Não demorou muito pra que minha escrita fosse aperfeiçoada. Contos, dissertações, desabafos, lembretes... Qualquer lugar era adequado para materializar meus pensamentos. Foi então que a idéia de criar um blogue tornou-se forte em meu ser. Um lugar onde eu pudesse usar e abusar da liberdade de expressão oferecida por nosso país e não temesse ser ignorada ou algo parecido.
____Desde então, escrever passou a ser uma das necessidades básicas de minha vida. Assim como todo ser humano precisa comer, beber e dormir, eu preciso escrever. O que eu sinto, o que os outros sentem, o que eu penso que os outros sentem ou o que eles deveriam pensar são, na maioria das vezes, meus textos de desabafo.
____Há quem diga que eu me escondo atrás dos livros e vivo camuflada por meus textos. Talvez seja isso, talvez não. O que realmente importa é que, assim como diria a lendária Clarice Lispector, "Enquanto eu tiver perguntas e não houver respostas... continuarei a escrever."


*Texto feito em 29/08/10, a pedido do meu professor de Português sobre "Experiências com leitura e escrita"*

É dessa maneira que eu retorno para onde eu nunca deveria ter saído. 31 dias deixando preso na garganta sentimentos que não tinham como nem pra quem serem despejados. Muita coisa aconteceu nesse período, boas e ruins. Me inscrevi para fazer 3 provas que decidirão a minha vida, meu irmão nasceu e continuo com a cara enfiada nos livros. Não prometo atualizar diariamente, mas sempre que eu precisar, gritarei meus pensamentos aqui, no meu refúgio. Dane-se quem acha que é bobagem, eu sou feliz assim. Até qualquer hora.