13 de ago de 2010

Interrompemos nossa programação...

Para comunicá-los que eu tô estudando muito, mas muito mesmo! E a tendência é estudar mais ainda. Saiu hoje o edital do vestibular 2011 da UFAC, e antes que eu mudasse de ideia - de novo - eu fiz logo minha inscrição. O curso foi decidido e não tenho mais como voltar atrás. Agora é estudar, esperar o dia e fazer acontecer. Vou dar tudo de mim e mais um pouco, mas passar nesse processo seletivo passou a ser questão de honra pra mim. Tô fazendo Pré-vest, algo que eu pensei que não faria maaaas, enfim. Se sentirem ausência de atualizações aqui, já sabem porque. Também não vou poder estar visitando os blogues de vocês, mas quando tudo isso passar será uma dívida minha com os leitores daqui. Estou fazendo o que posso, e Deus tá vendo isso. No final eu sei que todo esforço valerá a pena. Abraços :*

10 de ago de 2010

Querido e incerto futuro,

escrevo-lhe para que saibas o quanto fico amedrontada ao pensar que tu se aproximas. As incertezas que me asfixiam, me fazem temê-lo e pensamentos malévolos me tornam descrente de mim mesma. Com tudo isso, ainda assim um sentimento de ansiedade consome meu ser, fazendo com que as dúvidas e ideias confusas imigrem para meus pensamentos. As vezes duvido de minha sanidade mental, mas em contrapartida minha criatividade é assombrosa.
____Te imagino diariamente de formas diferentes, as vezes beneficiosas e alegres, outras vezes totalmente o contrário. É tudo tão absurdo que as vezes é inevitável que o riso seja contido. Penso que quando tu chegares, poderás ser bem mais simples do que meu fértil cérebro sequer cogitaria, e sei que no momento em que isso acontecer, novas incertezas surgirão a respeito de um "novo futuro", e assim viverei até o ponto final de minha história.
____Longe de mim pedir para que tardes ou apresse em chegar. Apenas prometo que farei tudo que estiver ao meu alcance para nesse dia, estar devidamente preparada. Perdoe-me por meus constantes devaneios, mas felizmente - ou infelizmente - não posso viver sem eles.

Decidida e atenciosamente,

Rebeca Rocha.

6 de ago de 2010

'Eu te amo' não diz tudo

"O conceito mais popular de amor envolve, de modo geral, a formação de um vínculo emocional com alguém, ou com algum objeto que seja capaz de receber este comportamento amoroso e enviar os estímulos sensoriais e psicológicos necessários para a sua manutenção e motivação." Fonte aqui.


____O amor hoje em dia está em escassez. Mas, veja bem, quando falo de "amor" falo do verdadeiro amor mesmo, aquele que é incondicional. É incrível como essa palavra de 4 letras tornou-se tão banal, tão insignificante, tão, tão, comum. Antigamente não era assim. Falar de amor não era tão fácil. Para se ter noção, os casais mesmo já tendo um compromisso assumido, não saiam por aí gritando aos ares "EU TE AMO FULANO". Um certo tempo tinha que passar, e mesmo que já tivessem um sentimento formado, o amor não era acompanhado de tanto marketing.
____Hoje pode se dizer que "Eu te amo" virou sinônimo de "Obrigada". Uma pessoa que nunca sequer falou com outra, um dia precisou de ajuda e aquele alguém inesperado a ajudou. No dia seguinte, um depoimento no orkut demonstra todo o agradecimento da pessoa: "Valeu ai fulano, você é demais, EU TE AMO!".
____Francamente, isso é ridículo. Ninguém pode amar uma pessoa do dia para o outro. Amor vai além de palavras ou gestos. Amor é atitude, é mudança, é renúncia. Se eu dissesse que nunca fui dessas que amava de um dia pro outro, estaria sendo hipócrita. Já fui sim, mas não sou mais. Com o tempo, aprendi o verdadeiro significado de amar, e acredito profundamente que só tenho a aprender cada dia mais.
____Uma mulher não pode cair nos braços de um homem simplesmente por ele dizer que a ama. É mais do que a pessoa ter que provar que realmente ama, ela deve sentir isso. Para algumas pessoas é algodifícil de assumir, mas não é impossível. Agora sente-se e ouça-me: "Eu te amo" é importante sim, mas NÃO diz tudo.


Oi pessoas, tudo bom? Só queria agradecer a todos vocês que estão sempre aqui marcando presença e lendo meus devaneios, vocês são minha verdadeira motivação! Queria fazer um agradecimento especial a duas fofas que me indicaram alguns memes, a Ana e a Mila. Muitíssimo obrigada meninas!

2 de ago de 2010

Preconceito camuflado

"Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, haverá guerra."
(Bob Marley)


____O preconceito sempre existiu, e isso é fato. Se alguém tem algo que visivelmente o diferencie da maioria do grupo em que convive, é imediatamente visto com outros olhos. Esse tipo de atitude - se é que pode ser assim chamado -  é a vergonha da sociedade em que SOBREvivemos. O governo, que aparentemente deveria criar meios de ao menos tentar extinguir essa abominação do país, resolve adotar um sistema de cotas nas faculdades para supostamente "amenizar" a situação daqueles que sofrem preconceito.

____Francamente, isso é um cúmulo. Apoio completamente estudantes do país inteiro que fazem protestos e mais protestos contra essa total hipocresia. Analise comigo: do exato momento em que universidades passam a dar preferência à alunos negros ou com qualquer outro tipo de distinção dos que supostamente são "normais", o preconceito não está sendo extinto, e sim estimulado. Estão simplesmente dizendo na cara desses "anormais" que eles de fato não são capazes de conseguir, através do próprio esforço, fazer um curso superior.

____Navegando pela web, leia o que encontrei a respeito (atenção no fragmento destacado):
"A justificativa para o sistema de cotas é que certos grupos específicos, em razão de algum processo histórico depreciativo, teriam maior dificuldade para aproveitarem as oportunidades que surgem no mercado de trabalho, bem como seriam vítimas de discriminações nas suas interações com a sociedade." Fonte aqui.

____Antes que alguém venha querer dizer que meu ponto de vista é sensacionalista e errado, aprenda a interpretar. Não há, em todo mundo, alguém que me convença que esse tipo de medida é favorável para as pessoas que sofrem com essa atitude repugnante a qualquer ser portador do bom senso. E tenho dito.

A inspiração do post de hoje foi na aula de português. Não quero ser a dona da verdade, mas sim uma formadora de opiniões. Todos tem plena liberdade de expor o que pensam a respeito de qualquer assunto, basta querer. É isso que eu penso sobre sistema de cotas e ponto final. Um abraço aos leitores e muito obrigada pelos comentários. Vocês me ajudam mais do que eu posso explicar. Ps: Parabéns mãe, muitos anos de vida! Te amo (: